menu

PARQUE NACIONAL DE BRASÍLIA - PNB - PARQUE DA ÁGUA MINERAL

Localização: Estrada Parque Indústria e Abastecimento - EPIAMapa.

Clique na foto (apenas um clique) para ampliar e use a seta (no teclado) para passar as fotos. Para voltar a esta página clique no X ou na tecla ESC.

 
Portaria - vista da Via EPIA

 
Portaria - vista de dentro do Parque
Distância da Rodoviária: 12 km.

Horário: O Parque fica aberto à visitação todos os dias, das 8 às 16 horas, com permanência permitida até as 17 horas. Para os visitantes com ingresso mensal, a entrada é permitida a partir das 6 horas.

Tempo Gasto:  A área de visitação do Parque é grande e o tempo gasto depende do que se quer fazer. Se o interesse for fazer a trilha pequena (Capivara) e apenas conhecer as piscinas, é possível conhecer em 2 horas, mas se for realmente curtir o local, andar de bike, nadar ou fazer a trilha Cristal Água é bom reservar pelo menos 4 horas.

Preço:
* preço praticado em abril de 2016
               Perfil do Visitante
Valor do Ingresso (R$)


- Visitante brasileiro ou estrangeiro residente no Brasil
     12,00
- Visitante brasileiro ou estrangeiro residente no Brasil, crianças de até 12 anos incompletos e adultos a partir dos 60 anos de idade 
     isento
- Visitante estrangeiro
     24,00
- Visitante brasileiro ou estrangeiro residente no Brasil  - ingresso mensal
     120,00
  • Os ingressos não são vendidos antecipadamente.
  • Não é permitida a entrada de menores de 12 anos desacompanhados.
  • O pagamento do ingresso deve ser feito em espécie.
  • O comprovante de pagamento da taxa de visitação deve ser mantido com a pessoa enquanto ela estiver dentro do parque, pois pode ser solicitado a qualquer momento.
  • Para que os visitantes possam desfrutar da visita ao parque de maneira segura, o número máximo de visitantes estabelecido é:  - 2.000 pessoas – quando há uma piscina disponível;
     - 
    3.000 pessoas – quando as duas piscinas estão disponíveis;
     - 
    Atingido o limite de visitantes, o parque permanece fechado para entrada de novos visitantes.

Atrativo: pedalar (Roteiro 9 do Brasília na Trilha), caminhar pelas Trilhas Cristal Água e Capivara, contemplar a natureza, fazer um piquenique, admirar o cerrado pelo mirante da Administração, nadar nas Piscinas Areal e Pedreira e meditar.

 
Trilha Cristal - caminhada e bike

 
Trilha Cristal - caminhada e bike

 
Centro de Educação Ambiental

 
Centro de Educação Ambiental

 
Caminho da Piscina Pedreira até o centro de Educação Ambiental

 
Centro Administrativo


Mirante no Centro Administrativo

 
Vista do Mirante

História: O Parque Nacional de Brasília, mais conhecido pelo apelido de "Água Mineral", é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral à natureza, localizado no noroeste do Distrito Federal e no centro do estado de Goiás.

Foi criado para proteger a Represa de Santa Maria (primeira fonte de água potável para Brasília), pelo Decreto Federal n.º 241, em 29 de novembro de 1961, com cerca de 30 mil hectares. O Parque Nacional de Brasília teve seus limites redefinidos pela Lei Federal nº 11.285 de 08 de março de 2006 abrangendo uma área de 42.383 ha, cerca de 423,8 km², com território distribuído pelas regiões administrativas de Brazlândia, do Plano Piloto e de Sobradinho e pelo município goiano de Padre Bernardo. Sua administração cabe atualmente ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Durante o ciclo do ouro, as extrações feitas na região de Pirenópolis, em Goiás, eram transportadas para o litoral da Bahia passando pela região onde hoje se situa o Parque. Lá, era realizada a "contagem", que deu nome à chapada existente no local.

Site Oficial: Parque Nacional de Brasília - PNB

Tenho comentado sempre que este projeto - Brasília é 10 tem me levado a observar melhor os pequenos detalhes de cada local, independente de estar indo pela primeira vez ou pela centésima vez. No caso do PNB estive lá algumas vezes logo que me mudei para Brasília, em 1982, e só voltei agora, mais de 30 anos depois. Foi uma experiência muito rica. Fiz a pequena Trilha Capivara observando com detalhes a natureza e lendo as placas explicativas ao longo da trilha; fiz também a Trilha Cristal Água, de bike; e visitei as piscinas, mas não deu tempo de nadar, vontade não faltou. 

Trilha Capivara

Saindo da Piscina Pedreira para Trilha Capivara

Início da pequena Trilha Capivara (20 minutos)

Trilha Capivara (cerrado e mata de galeria)

Trilha Capivara (cerrado e mata de galeria)

Placas contanto um pouco da biodiversidade na Trilha Capivara - Copaíba

Copaíba na Trilha Capivara

Trilha Capivara (cerrado e mata de galeria)

Sem palavras

O Parque costuma ficar muio cheio nos finais de semana, o que pode não ser tão agradável. Mesmo assim, arrisquei e fui no sábado, logo que abriu (8 horas). Estava relativamente vazio e tranquilo, foi muito bom.

Na área das duas piscinas (Areal e Pedreira), tem um amplo estacionamento, lanchonete, banheiros e posto médico. As piscinas contam ainda com salva vidas.

Piscina Pedreira
 
Placa de localização da Piscina Pedreira
 
Corredor verde de acesso à Piscina Pedreira
 
Piscina Pedreira
 
Ducha da Piscina Pedreira
 
Piscina Pedreira
 
Árvores e gramado ao redor da Piscina Pedreira
 
Placa de identificação da árvore angico
 
Angico entre a lanchonete e os banheiros

Piscina Areal

Piscina Areal à direita na primeira bifurcação

Placa de localização da Piscina Areal

Árvores e gramado na entrada da Piscina Areal

Banheiros - Lanchonete - Posto Médico

Piscina Areal

Piscina Areal

Sempre que faço meus posts costumo dar uma passada no site do Tripadvisor para verificar o que estão dizendo sobre o local que vou escrever. Vi poucos comentários negativos. Sempre é possível melhorar, mas de uma maneira geral, o Parque é bem cuidado: tem lixeiras por todo canto, é limpo, tem boas lanchonetes e banheiros razoáveis. 

A Ilha da Meditação está meio abandonada, poderia ser um pouco mais bem cuidada. Na minha opinião, ficou devendo muito. Se tivesse algumas árvores para dar sombra, um quiosque de apoio e se a  pequena trilha fosse feita da mesma forma que a Trilha Capivara, seria mais interessante.

 
Ilha de Meditação
 
Ilha de Meditação

Na Trilha Capivara, acreditem, algumas placas com a história da biodiversidade do local foram pichadas (poderiam já ter limpado ou refeito as placas). Faltou também um panfleto com a história e os atrativos do Parque, que deveriam ser entregues no momento do pagamento do ingresso. 


Para os visitantes chegarem ao Centro Administrativo ou ao Centro de Educação Ambiental é preciso caminhar ou ir de bike - existe pista para veículos, cujo acesso só é permitido aos funcionários do Parque.

O que me surpreende negativamente são os projetos interrompidos. No Parque tem um prédio bem grande, onde está localizado o Centro de Educação Ambiental. Fui informado de que, atualmente, nenhuma atividade é realizada ali, lamentável.

Um comentário:

  1. A natureza é exuberante e as iniciativas são muitas, mas a manutenção é pouca, especialmente nas trilhas. As placas estão quase todas apagadas. O funcionário explica que é pela exposição ao sol... Há pouca indicação das distâncias no decorrer da trilha. Ainda assim o local é excelente para caminhadas e ciclismo. A manutenção ao redor das piscinas é bem razoável. Vale a pena a visita.

    ResponderExcluir