menu

ROTEIRO 8 DE BIKE - FEIRA DO JARDIM BOTÂNICO - ERMIDA DOM BOSCO - PONTE JK


DISTÂNCIATEMPO DE PEDAL
TEMPO GASTO
INÍCIO 
 28 KM
 2h15
3 horas
FEIRA DO PRODUTOR - JARDIM BOTÂNICO


  • Link da Rota (aplicativo STRAVA) - (vou fazer novamente, pois deu problema).
  • Distância da Rodoviária até a Feira do Produtor : 14,5 km

AVALIAÇÃO DO ROTEIRO:

PISTA
APOIO
SEGURANÇA
VISUAL
NOTA FINAL
8
9
7
9
    8

COMENTÁRIOS:
  • Pista: parte do percurso (os primeiros 4,5 km, DF 001) é feito em ciclovia de boa qualidade, exceto em dois locais onde foram feitas obras que danificaram um pouco o piso. Os 3 km seguintes são um pouco complicados - pista asfaltada com desnível para o acostamento (de terra e ruim - DF 001). Em seguida, um pequeno trecho em ciclofaixa e, depois, a parte de acesso à região da Ermida, já é em bom asfalto. O caminho de volta, boa parte é em uma ciclofaixa e, depois, em pista de veículos asfaltada, ambas em boas condições, e nos últimos 2 km, em ciclofaixa novamente. 
  • Ponto de apoio: o início do percurso foi estrategicamente escolhido - você pode fazer um bom lanche, no início e no fim do percurso, na Feira do Produtor. Até chegar ao Parque Ecológico Dom Bosco  (post do blog) você passa por dois comércios. No Parque Ecológico Dom Bosco tem lanchonete e banheiro. Na volta tem as lojas de conveniência dos postos de gasolina e uma área de comércio, ao lado do Carrefour Bairro (QI 25). Quando você sair da pista principal do Lago Sul (Estrada Parque Dom Bosco), o próximo ponto de apoio é em uma quadra comercial onde está o Supermercado Big Box (Setor de Mansões Dom Bosco Quadra 12).
  • Segurança: risco de assalto sempre existe, principalmente nos trechos com menor circulação de pessoas. Pra mim, o risco é sempre maior porque ando sozinho. No Lago, a grande maioria dos ciclistas anda em grupos. Com relação a assalto a informação que passo é com base apenas em sentimento e em notícias que eventualmente ouço e não em uma consulta estatística na Polícia Civil. No Parque da Ermida tem viatura da polícia circulando constantemente. Quanto ao risco de acidentes, o ponto crítico é o trecho inicial, entre os Km 4,5 e 8 (logo depois de terminar a ciclovia - próximo da entrada do Condomínio Ville de Montagne), pois tem um desnível grande entre a pista e o acostamento, que também é ruim, forçando o ciclista a andar na rodovia.  Na região do Lago Sul, muitos ciclistas, especialmente os que andam com bicicletas de velocidade e em grupo, invadem a pista de veículos, neste caso, os riscos de acidentes aumentam.
  • Outros comentários:
Ao retornar, você terá algumas opções para evitar as subidas mais pesadas. Pode, por exemplo, sair na altura da QI 27 e seguir em direção aos condomínios. Nesse caso, não dá para passar próximo da Ponte JK (acho o visual muito bonito e mesmo com um esforço maior vale a pena). Já se a opção for passar próximo da Ponte, você pode subir pelo caminho que eu fiz (QI 25) ou pela QI 23, ou até mesmo, pela Via que segue o fluxo principal da ponte.

O percurso é cansativo, passando por subidas longas - exige um bom preparo físico. De todos os roteiros que fiz, esse é o mais cansativo. 

Desaconselho totalmente este roteiro para crianças e para pessoas que não têm o costume de andar em vias que não têm ciclofaixas ou ciclovias, e também para quem não está bem fisicamente.

Caso não esteja muito cansado, vale a pena entrar no Jardim Botânico, neste blog tem o Roteiro 6 de bike que mostra um pouco o local e também tem postagem sobre o Jardim Botânico.

Eu deixei meu carro estacionado na Feira do Produtor com um objetivo: fazer compras de produtos orgânicos, pois era sábado, dia de feira. Deixei minhas compras com o dono da banca e peguei na volta, quando aproveitei para comer uma tapioca preparada na hora e beber uma água de coco.

DETALHES DO ROTEIRO:


  KM
 COMENTÁRIO
 0
Início do Roteiro na Feira do Produtor - Região Administrativa do Jardim Botânico. Início em ciclovia.
 4,5
Fim da ciclovia - próximo da entrada do Condomínio Ville de Montagne. Início do trajeto na pista de veículos (DF 001).
 8,5
Fim do trecho na pista de veículos. Início da pista do Lago Sul.
 9
 Retorno na Polícia Rodoviária.
 9,5
 Início na pista de acesso ao Parque Ecológico Dom Bosco.
 11,5
 Ermida Dom Bosco. Início da ciclovia.
 13
 Fim da ciclovia na Ermida.

 Mosteiro de São Bento.

 Centro de Convenções Israel Pinheiro.

 Início da pista do Lago Sul.

 Acesso à Ponte JK.

 Saída da Pista do Lago Sul - (pista alternativa para o Supermercado Big Box).

 Supermercado Big Box .

 Entrada do Jardim Botânico
 28 
 Fim do roteiro na Feira do Produtor (DF 001)

Espero que tenham gostado deste roteiro. Qualquer dúvida ou sugestão e só escrever para o brasilianatrilha@gmail.com

Clique na foto (apenas um clique) para ampliar e use a seta (no teclado) para passar as fotos. Para voltar a esta página clique no X ou na tecla ESC.

Feira do Produtor


Início da Ciclovia


Fim da Ciclovia


Pista de Veículos e acostamento com desnível


Pista de Veículos e acostamento com desnível


Pista do Lago Sul - retorno na Polícia Rodoviária


Acesso ao Parque Ecológico Dom Bosco


Parque Ecológico Dom Bosco


Ermida Dom Bosco


Lanchonete do Parque


Vista da Ermida


Ermida Dom Bosco


Vista da ciclovia do Parque


Patrulhamento na ciclovia do Parque


Praça com Igreja - caminho da ciclovia


Visual de uma outra praça - do deck e do lago


Um dos banheiros


Visual


Vista de baixo da Ermida


Entrada para o Carmelo


Carmelo


Acesso ao Mosteiro - Seminário e Centro de Convenções


Interior da Capela do Mosteiro de São Bento


Mosteiro de São Bento


Seminário


Seminário


Entrada do Centro de Convenções Israel Pinheiro


Pista de terra (opcional - 2 km até a beira do lago)


Pista do Lago Sul


Posto com Loja de Conveniência - antes da Matinha


Descida da Matinha - Pista do Lago Sul


Ponte JK vista da pista do Lago Sul


Saída da pista do Lago Sul - (QI 25) e acesso ao Supermercado Big Box


Subindo em direção ao Supermercado Big Box


Vista da Ponte JK


Vista da Ponte JK


Vista da Ponte JK


Reta de 2 km chegando ao Supermercado Big Box


Posto entre o Supermercado Big Box e o Jardim Botânico


Via de acesso ao Jardim Botânico


Entrada do Jardim Botânico - ciclofaixa


Entrada do Jardim Botânico


RUAS DE BRASÌLIA

Brasília foi projetada por Lúcio Costa e tem uma característica muito interessante, que a difere de todas as cidades. Costumamos dizer que a cidade não tem esquina e nem ruas, o que temos são Quadras (exemplos SQN 101, CLS 203 entre outras - são muitas CLN, CLS, SQN e SQS) e Vias (W3, L2, L4, W5 entre outras).

Essas quadras são representadas por siglas e números (SQN 207 - significa Superquadra Norte 207, CLS 109 - significa Comércio Local Sul 109)  e não por nomes, porém, nada impediu que algumas quadras comerciais recebessem apelidos, devido a grande concentração de comércio do mesmo tipo. Apelidos como a Rua das Torcidas, das Farmácias, da fome...


Imagem do site www.qualquadra.com.br
Na imagem abaixo é mais fácil explicar: entre cada quadrado ou retângulo da figura, há uma quadra comercial. Algumas, apelidamos de "Rua das...".


Plano Piloto - Imagem do site www.portalescolar.net

- Rua das Torcidas de Futebol 
  • Localizada na Asa Sul - CLS 308 e 309
  • A principal loja, na minha opinião, é a do meu time de coração: O Glorioso, A Estrela Solitária, Fogão ou simplesmente Botafogo.
Botafogo
  • Além da loja do Fogão, a "Rua" tem as lojas do Fluminense, Vasco, Corinthians, Palmeiras, Flamengo e uma loja das Grandes Torcidas. São 7 lojas no total.

 
Fluminense
 
Vasco
 
Corinthians
 
Palmeiras
 
Flamengo
 
Grandes Torcidas
  • Apesar desta "Rua" ser conhecida como "Rua das Torcidas" existe lá, também, uma predominância de óticas, são 7 no total.
Rua das Torcidas: lado esquerdo é a Quadra  307
e o direito é a Quadra 308


Rua das Elétricas 
  • Localizada na Asa Sul - CLS 109 e 110
  • Atualmente, dezembro de 2015, são 27 lojas no total. Há elétricas bem antigas e, de vez em quando, uma nova loja aparece.
  • Nessas lojas, você encontra desde material básico, como fios e lâmpadas, até projetos de iluminação.
  • No sábado, as lojas fecham mais cedo e o movimento é bem intenso.
  • Depois de fazer as compras, você ainda pode dar um pulo no Beirute para comer e beber alguma coisa. Aqui mesmo no blog tem postagem de lá. O Beirute é um solitário em uma rua cercada de elétricas.
À direita 110 e à esquerda 109


A medida que for visitando as demais "Ruas" vou publicando. As próximas serão estas:

- Informática - (CLN 207 e 208)
- Farmácias - (CLS 102 e 302)
- Móveis Planejados - (CLN 211 e 212)
- Ferragens - (W3 Sul - 512)
- Restaurantes -  (CLS 404 e 405)
- Bebês - (W3 Sul - 510)
- Noivas - (CLN 304/305)
- Tecidos - (CLN 306 e 307)