menu

PESQUISA E PLANEJAMENTO DE VIAGEM PARA VANCOUVER-CA


VANDUSEN BOTANICAL GARDEN
  • Tem lagos, totens, jardins para meditação, pequenas cachoeiras, jardins de camélias, azáleas, magnólias e hortênsias.
  • Ele fica próximo à parada 41st Oak Street da linha de metro Canada line.
  • Programar a visita no mesmo dia que for ao Queen Elizabeth Park.
  • Aberto de 9 às 20:30 em junho/julho/setembro.
  • Preço: Adulto (C$11), jovens(C$8,25), família (C$27,75 – 2 adultos e dois jovens até 19).
  •  O prédio ultra moderno foi projetado por Perkins + Will e se funde com a paisagem ao redor. Sua principal característica é ser considerado um "prédio verde", aonde tudo foi projetado para reduzir ao máximo o consumo de energia. O projeto foi todo inspirado nas formas orgânicas de uma orquídea,por isso, seu telhado parece com pétalas flutuantes.

DR. SUN YAT-SEN CLASSICAL CHINESE GARDEN
  • Pequeno jardim, mas com muitos detalhes.
  • Aberto no verão de 9:30 às 19.
  • A cultura chinesa na cidade é fortíssima, afinal, eles chegaram à cidade antes mesmo dela ser criada.
  • O Jardim foi construído em 1985-1986 utilizando os princípios e técnicas de um jardim original da dinastia Ming (1368-1644). Cinquenta e dois mestres artesãos de Suzhou na China vieram trabalhar na construção dele. Os corredores intrincados e passarelas foram construídos com marcenaria precisa e sem o uso de pregos, parafusos ou cola. Até mesmo as rochas calcárias foram trazidas do Lago Tai, na China.
  • Sun Yat-Sen viveu de 12 de novembro de 1866 a 12 de março de 1925. Foi um estadista, político e líder revolucionário chinês, reconhecido por muitos chineses como um dos grandes lideres da China moderna.
  • Localizado próximo a Granville Station em downtown - fique alerta quando passar por Chinatown e a Hastings Street por conta da denominada “cracolandia” que fica nesta área.
  • O ingresso para adulto C$ 12, estudante C$9 e família $25 (até 17 anos os filhos).
  • Do outro lado do jardim tem um parque publico Dr. Sun Yat-Sen Park. Ele não teve todo o cuidado dos detalhes em sua construção como o jardim, mas também é bonito e vale o passeio.
  • No site é possível comprar ingressos para o jardim chinês e outras atrações de Vancouver com desconto.

CHINATOWN
  •  Segunda maior Chinatown do mundo (só perde para São Francisco).
  • Vancouver é dominada pela cultura asiática (chineses, japoneses, coreanos) e assim que você colocar os pés na cidade irá notar isso. 
  • Por lá você encontra um portal.
  • Jardim Dr Sun Yat-Sen – que tem a parte gratuita e paga 
  • Várias lojinhas de lembrancinhas (incluindo umas lojas do estilo 1,99).
  • Restaurantes.
  • Vale a visita se você nunca foi a nenhuma Chinatown, em nenhuma cidade do mundo. Se já foi e tiver com seu tempo reduzido na cidade, pule.
  • Chinatown é considerada uma das regiões mais perigosas e marginalizada de Vancouver, por aqui é preciso estar atento ao andar pelas ruas, principalmente quando você ruma mais ao sentido leste e para a região da Hastings.


KITSILANO “KITS” BEACH
  •  Uma boa opção é fazer um piquenique para ver o por do sol. 
  • A região da praia é super animada, com bares, restaurantes e várias quadras de esportes.
  • Calçadão super legal e a mais longa piscina do Canadá, com 137 metros de comprimento (quase 3 vezes mais longa que uma piscina olímpica) e a única piscina de água salgada aquecida de Vancouver.


DEER LAKE – BURNABY LAKE
  • No distrito de Burnaby ele serve como referência e abriga o Burnaby Art Museum, a prefeitura do distrito, assim como um Burnaby Village Museum.
  • Aqui também é possível alugar caiaques e dar uma voltinha no lago.
  • Trilhas cortam todo o parque assim como a linha de ônibus #144 que leva ao Metrotown Shopping Centre.


BURNABY MOUNTAIN
  • A montanha de Burnaby fica na cidade de Burnaby , que é a cidade vizinha de Vancouver, ao leste. 
  • Com elevação de 370 m, a vista do centro de Vancouver lá de cima é de tirar o fôlego, principalmente no por do sol. 
  • Tem um jardim de rosas e cerejeiras que ficam todas branquinhas na primavera. 
  • Também tem playground para crianças. 
  • Pra quem quiser fazer um passeio romântico, é só reservar um jantar no restaurante Horizon.

STEVESTON
  • Um vilarejo de pescadores que fica em Richmond (cidade onde fica o aeroporto de Vancouver).
  • É aqui que foi filmado o seriado Once upon a time.
  • O bacana aqui é visitar as lojinhas de artesanato locais e ver os barcos pesqueiros. 
  • Tem uma sorveteria maravilhosa ali também.

BUNTZEN LAKE E WHITE PINE BEACH
  • São duas praias de lagos na região de Port Moody. 
  • É pra onde os residentes vão no verão. 
  • As praias vivem lotadas, principalmente nos fins de semana.
  • Há trilhas de caminhada em torno dos dois lagos, o Buntzen e o Sasamat (onde fica a praia de White Pine). 
  • Aqui dá pra passar o dia tranquilo, fazendo piquenique e se refrescando na água, que ainda é muito gelada, mas menos que no mar aberto.

WHITE ROCK
  • White Rock é uma cidade no sul de Vancouver, já na divisa com os Estados Unidos. 
  • A rua principal beira o mar e tem vários restaurantes e cafés.
  •  A atração principal é o longo pier. É uma delícia caminhar por ali e apreciar a linda vista do vilarejo.
  •  Minha dica de restaurante ali é o grego Cosmos, todo decorado em tons de azul e branco e muitas plantas penduradas no teto. Nunca fui na Grécia, mas parece que eles ambientaram direitinho o restaurante, com música grega e tudo.


DICAS DE EDIFÍCIOS INTERESSANTES

  • Hotel Vancouver
  • Museu de Antropologia
  • Galeria de Arte de Vancouver.. 
  • Edifícios modernos no centro da cidade, como os Tribunais Legislativos e a sede original da BC Hydro, convertida nos Condomínios Electra. 
  • Edifício MacMillan-Bloedel. 
  • Dois modernos arranha-céus que definem o horizonte são a Câmara Municipal e o Pavilhão do Centenário do Hospital de Vancouver, ambos cercados por Townley e Matheson.
  • Uma variedade de edifícios do período eduardiano no centro da cidade: Province Building, o Dominion Building e a Sun Tower. Inspirados pelos Chrysler Building de Nova Iorque, o Marine Building é conhecido pelas suas elaboradas telhas de cerâmica, que o tornaram dos locais favoritos para filmagens. 
  • Outro importante edifício do eduardiano é a Galeria de Arte de Vancouver, desenhada por Francis Mawson Rattenbury, que também sediou a legislatura provincial e o Hotel Vancouver.
  • Quanto aos edifícios mais altos de Vancouver, o primeiro lugar está com o One Wall Centre (150 m), seguido de perto pela Shaw Tower (149 m) (março de 2008).

Nenhum comentário:

Postar um comentário