menu

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL - CCBB - setembro 2017

Localização
Setor de Clubes Sul - SCES, Trecho 02, lote 22 - Brasília -  próximo da Ponte JK.

Distância da Rodoviária:  
7,6 km - confira no mapa.

Horário: 
De terça a domingo de 9 horas às 21 horas. Quando ocorre algum show o CCBB costuma fechar para montagem de palco. Telefone (61) 3108-7600.

Clique na foto (apenas um clique) para ampliar e use a seta (no teclado) para passar as fotos. Para voltar a esta página clique no X ou na tecla ESC.

História:



  • Projeto de Oscar Niemeyer, inaugurado em 1993 como sede do Centro de Formação do Banco do Brasil.
  • O edifício principal de dois andares foi construído em concreto aparente com um formato curvo e recebeu o nome Tancredo Neves.
  • Projeto paisagístico assinado por Alba Rabelo Cunha.
  • O primeiro CCBB foi inaugurado em 1989 no Rio de Janeiro e no dia 12 de outubro de 2000 foi inaugurado o de Brasília e, em seguida, os de São Paulo e Belo Horizonte.
  • O prédio tem uma área construída de aproximadamente 20 mil m² e o Centro Cultural do BB ocupa metade desse total. A área total do terreno é de 146 mil m².










  • Atrativos: 
    • Em outubro de 2016 foi inaugurado, no primeiro andar, uma exposição permanente - "Museu do Banco do Brasil". Logo na entrada você é recepcionado por uma bela arquitetura, bonito mobiliário, cafeteria confortável, banheiros (até o acabamento do banheiro vale a pena conhecer) e uma bonita vista da ponte JK.
    Vista da Ponte JK de dentro do Museu do BB

     
    Recepção no piso térreo
     
    Museu no primeiro andar
     
    Área de circulação onde estão o café e os banheiros
     
    Cafeteria
      • Destaques do Museu:
        • No primeiro salão tem um pouco da história do BB: principais fatos desde sua fundação até hoje, equipamentos antigos utilizados no banco, histórias de ex-funcionários e o BB em números - muitas curiosidades.
    Entrada do primeiro salão do Museu

     
    Primeira parte do Museu
     
    Equipamentos antigos e mobiliários do BB
     
    Equipamentos antigos e mobiliários do BB
     
    Equipamentos antigos e mobiliários do BB
        • O segundo salão é a Sala de Leitura com muitos livros interessantes.


     
    Pinturas óleo sobre tela de Manoel Santiago ("Sem Título"), Carybé ("O Cais"), Animá de Paula ("Fachada com Árvores") e Antônio Marx ("Vilarejo")
     
    Litografia  sobre papel - abstrato de Alfredo Volpi
     
    Pinturas óleo sobre tela de Di Cavalcanti ("Sem Título") e Djanira da Motta ("Mulheres Peneirando Farinha")






     
    Serigrafias de 1999 sobre papel de Athos Bulcão


     
    Pinturas de Di Cavalcanti 
     
    Pinturas de Carlos Bracher
     
    Pinturas de Burle Marx


        • Na saída da Galeria estão alguns objetos relacionados à história de patrocínio aos esportes.





    •  Sala de cinema com 70 lugares e com uma programação alternativa ao circuito tradicional.
    • 4 galerias onde as exposições são realizadas.
    • Pavilhão de vidro também utilizado para exposições.
    • 2 teatros.
    • Parque de esculturas interativas de Darlan Rosa, inaugurado na comemoração de 200 anos do BB - "Casulo" - "Um estímulo à fantasia e a convivência entre crianças e adultos". No jardim da frente do CCBB tem outra escultura de Darlan.





    • Além de toda programação cultural, o CCBB é um bom local para tomar um café ou fazer um piquenique. Tem 3 opções de Cafés: 
      • Bistrô Bom Demais – Térreo, horário de funcionamento de 9h30 às 22h. 
      • Café Teatro – em frente ao Teatro I – horário de funcionamento de 9h às 21h.
      • Café do Museu – no Hall do Museu BB, primeiro andar – horário de funcionamento de 9h às 19h.
     
    Café Bom Demais
     
    Gramado que pode ser usado para fazer piquenique

    Comentários: 
    • Para consultar a programação acesse o site do CCBB - lá você encontra uma farta programação de música, teatro, cinema e exposições variadas.
    • Para expressar o que eu acho do CCBB copiei uma frase escrita em uma parede do Museu - "Visitar  o CCBB é sempre um encontro fascinante com o universo cultural".
    • Informações úteis sobre o funcionamento do CCBB.

    Ingressos
    A entrada no CCBB é gratuita - muitas das exposições e shows também são de graça. Algumas programações são pagas, mas o valor do ingresso normalmente é barato. 


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário